Converter imagens para bitmap

Cassete Black Taiga
Ficheiro em grayscale, 300ppi. Impressão em 600dpi.

Quando se tem de determinar o tipo de ficheiro a utilizar na Risografia, analisa-se a imagem a imprimir. Se for uma imagem à base de meios tons, o ideal é tê-la em greyscale com 200ppi (é suficiente); se for uma imagem com muito poucos meios tons, o ideal é convertê-la para bitmap e controlar no Photoshop o tipo de trama a imprimir, em vez de deixar ao critério da Riso, muito mais imprevisível. No exemplo seguinte, a imagem foi convertida para 600ppi com diffusion dither.

Cassete Black Taiga
Ficheiro bitmap, 600ppi. Impressão em 600dpi.
Conversão para bitmap
Neste caso, escolhemos 600ppi porque essa é a resolução máxima da Riso MZ1070.
Greyscale
Greyscale. Reparem que no ecrã é o que parece comparativamente melhor, mas para este tipo de imagem seria a pior opção para imprimir.

Se for uma imagem sem praticamente nenhum meio tom, ou seja preto (uma cor) puro e branco puro, utiliza-se o 50% Threshold — independentemente de no ecrã ficar com um aspecto mal definido e às escadas é o que se pretende na impressão, não o aspecto suave sem qualquer definição que se vê por todo o lado. A escolha da resolução prende-se com o máximo da máquina, se fosse para imprimir noutra técnica seria o máximo também, até aos 2540ppi do offset.
Seguidamente podem ver os resultados de converter uma imagem em greyscale para bitmap (clicar nas imagens para aumentar).

Pattern dither
Bitmap pattern dither.
Diffusion dither
Bitmap diffusion dither.
50% Threshold
Bitmap 50% Threshold.
Halftone screen
Bitmap halftone screen.

O halftone screen tem várias opções para formato do ponto (round, diamond, ellipse, line, square e cross) que acabam por depender do resultado pretendido e do gosto pessoal. Cada um tem de experimentar e ver.
Já o número de linhas (frequency) em termos de máximo depende totalmente do meio, no caso da Risografia seriam umas 90 linhas. O mínimo uma vez mais, depende resultado pretendido e do gosto pessoal, quanto menos linhas mais “low-fi” e menos definida fica a imagem. Com muito poucas linhas acaba por ser uma abstracção (com bolas enormes se for escolhido o formato round).

O exemplo aqui apresentado é da cassete Black Taiga/Melanie is Demented editada pela MMMNNNRRRG.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *